Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate

ptenes

Opções de acessibilidade

Página inicial > Últimas Notícias > NEDAM PROMOVE MESA TEMÁTICA E CAMPANHA DE COMBATE À HOMOFOBIA
Início do conteúdo da página
Ultimas Notícias

NEDAM PROMOVE MESA TEMÁTICA E CAMPANHA DE COMBATE À HOMOFOBIA

  • Publicado: Segunda, 20 de Mai de 2019, 11h22
  • Última atualização em Sexta, 31 de Mai de 2019, 12h56

combate homofobia 2

No mês em que se celebra o dia internacional contra a homofobia, a Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) lança o Programa “Diversidade Ufra”. O lançamento oficial correu no Auditório do Pavilhão de Aulas do campus Belém na última quinta-feira, 16, com a mesa temática “Diversidade sexual como um direito humano”. A primeira ação foi transmitida via videoconferência para todos os campi da universidade e contou com a presença do reitor, professor Marcel Botelho, da Pró-Reitora de Assuntos Estudantis, professora Iris Lettiere, de professores e alunos.

Segundo um dos palestrantes, o professor da Ufra Tomé-Açu Marcelo Spitzner, o projeto tem grande importância dentro da universidade, por ser “um dos ambientes que mais agregam diferenças, como as de origens social, étnica de classe e gênero”. E ressalta que ter um debate como esse, dentro do ambiente universitário, além de informar, busca combater todo tipo de diferenciações discriminatórias.

A mesa também contou com a presença de Gleyson de Oliveira, historiador e presidente da ONG Olivia - Organização de Livre Identidade e Orientação Sexual do Pará. Ele destacou as atividades que o grupo desempenha na sociedade e as lutas que vivencia diariamente. “Infelizmente, nós precisamos fazer o monitoramento dos nossos direitos para que o que já foi conquistado não nos seja tirado com o avanço do conservadorismo. Estamos ali para brigar pelos direitos, dar suporte e cuidar da saúde mental, social e psicossocial do LGBT”, afirmou.

A iniciativa do programa é do Núcleo de Educação e Diversidade na Amazônia (NEDAM), criado em 2018 por um grupo de servidores da instituição, no âmbito da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PROAES). Segundo a coordenadora geral do NEDAM e Diretora de Inclusão Social e Diversidade, professora Tatiana Pacheco, o projeto representa o desejo coletivo da instituição de fazer atividades contínuas e permanentes nas temáticas diversas do núcleo.

A partir dessa proposta, foram definidas as formas de abordar cada temática. “O Brasil está entre os dez países mais intolerantes do mundo, então cada vez mais as pesquisas apontam que precisamos desenvolver mecanismos para estar dialogando sobre inclusão, diferenças e diversidade. Precisamos estar sempre refletindo sobre o nosso papel, que é promover uma sociedade melhor, que exerça a escuta, o diálogo e o respeito”, destacou.

Além da mesa temática, o NEDAM também promove, ao longo do mês, a campanha de combate à homofobia, com divulgação de cartazes de conscientização a respeito do assunto.

O programa está dividido em três eixos temáticos: “Mulheres: igualdade, respeito e proteção”; “Diferenças, diversidade sexual e direitos humanos”; e “educação para diversidade humana na Amazônia”. A professora afirma que as principais ações do programa serão multicampi e serão realizadas através de rodas de conversas, sessões de filmes e documentários, palestras, mesas redondas, panfletagens e campanhas nas mídias sociais.

Texto: Bruna Ribeiro

Revisão: Jussara Kishi

Ascom Ufra

 

Fim do conteúdo da página

Avenida Presidente Tancredo Neves, Nº 2501 Bairro: Terra Firme  Cep: 66.077-830 Cidade: Belém-Pará-Brasil